Caminhar na Praça de São Marcos, em Veneza, não é tarefa fácil por estes dias. A própria praça parece um dos canais da cidade.

A cidade do romantismo viveu a maior "acqua alta", ou maré alta, dos últimos 50 anos.

A água atingiu os 187 centímetros, provocando estragos na Basílica de São Marcos. Foi a sexta inundação no interior da basílica desde que o edifício foi construído, há quase mil anos.

Várias lojas e galerias de arte também foram invadidas pela água. 

Foi decretado o estado de emergência na cidade.

As previsões da meteorologia são de chuva e vento para os próximos dias, pelo que, a expetativa é de que a situação se agrave no fim de semana.