Zorrinho responde a Cavaco: «PS não fomenta intriga política»















Em tempos de exigência, «presidente deve ter estratégia meticulosa»