«Nós estamos como estávamos há 30 anos. É a história negra da Ribeira dos Milagres»
Redação / PP