O Flamengo, de Jorge Jesus, empatou esta quarta-feira 1-1 em casa do Grêmio na primeira mão da meia-final da Libertadores, num encontro com três golos anulados aos rubro-negros.

Everton Ribeiro, aos 20 minutos, e o ex-jogador do Benfica Gabigol, aos 24 e 80 minutos, colocaram a bola na baliza, mas, após consulta ao VAR, os golos não foram validados, o primeiro por causa de uma falta e os outros dois por fora de jogo.

Nos golos que realmente contaram, o Flamengo também marcou primeiro, aos 69 minutos, por intermédio de Bruno Henrique. Aos 88, Pepê fez o empate para o Grêmio.

O golo fora dá assim vantagem aos rubro-negros para a segunda mão, que se disputa a 23 de outubro no Maracanã. 

O Flamengo vai numa série de 12 jogos consecutivos sem perder (nove vitórias e três empates), e procura chegar à final da Taça Libertadores em futebol, que jogou e venceu pela única vez em 1981, há 38 anos.

Na terça-feira, na primeira mão da outra meia-final, entre argentinos, o campeão em título River Plate bateu em casa o vice Boca Juniors por 2-0. O encontro da segunda mão realiza-se em 22 de outubro, no La Bombonera.