FIGURA: Paulinho
Voltou aos golos quase um mês depois de ter feito o gosto ao pé pela última vez. Estreou-se a marcar na fase de grupos da Liga Europa, chegando ao oitavo golo da época com um bis. Boa antecipação de cabeça no primeiro golo, movimentação à ponta de lança no segundo tento, recolocando o Sp. Braga em vantagem. Noite de pontaria afinada do atacante, a ser preponderante para o triunfo arsenalista sobre o Besiktas.

MOMENTO: segundo golo do Sp. Braga (37’)
Com o empate do Besiktas gerou-se alguma desconfiança na pedreira. Após abrir o ativo Paulinho resgatou a equipa fazendo o segundo num lance em que Galeno está em evidência. Aceleração do extremo no corredor esquerdo, coloca-se em posição de cruzar e é isso que faz. Passe com as medidas certas para o avançado encostar, beneficiando da apatia da defesa contrária.

OUTROS DESTAQUES

Galeno
Depois de ter estado em plano de destaque frente ao Famalicão, com os dois golos marcados, voltou a dar nas vistas. Teve velocidade a mais para os turcos, sendo apenas travado em falta mesmo quando o árbitro assim não quis ver. Quando passou criou perigo, como no lance do segundo golo.

Tyler Boyd
Habituado aos palcos portugueses, o extremo que atuou em Tondela e em Guimarães foi dos mais esclarecidos e audazes da equipa de Istambul. Dos poucos que foi para cima do adversário sem receios, a exemplo do que aconteceu no golo apontado, ao sentar Sequeira antes de bater Eduardo.

Sequeira
Alta rotação, uma vez mais, no lado esquerdo do Sp. Braga. O lateral canhoto tirou vários cruzamentos venenosos pelo seu flanco, incorporando-se com muita facilidade no ataque e esteve irrepreensível a defender. Bate o canto que dá o golo inaugural do encontro.

Vida
Numa defesa que cometeu vários erros, o experiente central croata foi dos mais regulares a nível defensivo na equipa de Istambul. Apesar de não ser propriamente rápido fez-se valer do seu posicionamento para fazer cortes providenciais.

Bruno José Ferreira / Estádio Municipal de Braga