Jorge Silas, treinador do Belenenses, em declarações na sala de imprensa do estádio Municipal de Portimão, após o empate sem golos frente ao Portimonense, no jogo que abriu a Liga 2019/20:

«Foi um jogo difícil para nós, contra uma equipa boa. Acho que o Portimonense foi ligeiramente melhor que nós, embora também ache que o resultado seja justo. Não houve uma superioridade muito grande. Na primeira parte, eles bastante melhor do que nós, na segunda parte nós equilibrámos e tivemos muitas chances. Sabíamos que ia ser difícil, porque a nível técnico ainda estamos abaixo daquilo que é exigível. Tecnicamente falhámos muito, muito passe, muito controlo. Jogamos numa relva diferente daquela que temos, o que nos dificulta a vida. No início, justifica-se a fase de adaptação mas, no final, já não se justifica e continuámos a errar. Temos de melhorar muito, porque, se hoje estivéssemos bem tecnicamente, conseguiríamos estar muito melhor do que estivemos. Na fase final, começou a haver mais espaço e fizemos algumas alterações a nível tático. Nós tivemos oportunidades no final, mas eles também as tiveram na primeira parte. Qualquer uma das equipas podia ter feito golo.»

«Olhando para aquilo que foi o jogo, acabo por ficar satisfeito. O Portimonense foi um pouco melhor do que nós e não merecia perder. Fora de casa, tenho de aceitar e ficar contente com o resultado, mas não com a exibição. Temos de jogar muito melhor do que jogámos aqui. Queremos melhorar o que fizemos no ano passado. Mas vai ser preciso muito trabalho. Vamos ver se conseguimos trazer mais alguém, para termos mais soluções de qualidade. Precisamos de mais gente para poder ambicionar mais do que no ano passado.»

  
Jorge Anjinho / Estádio Municipal de Portimão, Portimão