Jorge Costa, treinador do Farense, acredita que a equipa que lidera vai colocar termo ao jejum de vitórias em casa, que dura há três meses, na partida frente ao Portimonense, no dérbi algarvio.

«É mais um jogo com grau de dificuldade elevadíssimo. Queremos voltar às vitórias no nosso estádio e, portanto, perspetivo que amanhã (terça-feira) iremos fazer algo de muito positivo e iremos conquistar os três pontos para ficarmos mais confortáveis na nossa luta», disse Jorge Costa, citado pela Lusa, na antevisão à partida de fecho da 29.ª jornada da Liga.

O Farense, que iniciou a ronda no penúltimo lugar, soma sete jogos consecutivos sem vencer no Estádio de São Luís, desde o triunfo sobre o Gil Vicente (3-1), no início de janeiro.

O treinador da equipa de Faro reconhece que a receção ao Portimonense é «um jogo especial, porque é um dérbi», mas que é apenas mais um jogo na caminhada da sua equipa rumo à permanência.

«Um dérbi tem sempre algo de extra e traz sempre algo mais ao jogo. Motivados os jogadores têm de estar sempre - e têm estado. Nesta fase da competição, não há muito mais a fazer. [Estão] motivados e concentrados, porque é um jogo especial, mas estes pontos não valem nem mais nem menos do que os pontos dos outros jogos», ressalvou Jorge Costa.

Jorge Costa quer «dar continuidade àquilo que de bom» a sua equipa fez em Paços de Ferreira, na jornada anterior, onde triunfou por 2-0.

«Espero o Farense dos últimos jogos. Uma equipa com qualidade, com organização, com muita vontade, a praticar bom futebol, sólida defensivamente e agressiva no ataque. Isso é aquilo que eu quero, o que espero e o que iremos ver em campo», sublinhou.