Rui Vitória, treinador do Benfica, em declarações na sala de imprensa do Estádio do Marítimo, após o empate (1-1) diante do Marítimo:

«Foi um jogo bem disputado, num terreno difícil, perante uma equipa muito difícil de bater. Entrámos fortes e fizemos um golo.

Tivemos a postura correta, em relação aquilo que era a partida, perante uma equipa muito combativa. Sofremos um golo, num tipo de lance que estávamos avisados, típico do Marítimo.

Jogamos em qualquer circunstância e condição, mas claro que queríamos um outro relvado, mas isso em nada mudou a nossa abordagem. Tivemos que a mudar sim, porque o jogo ficou mais combativo e disputado.

O momento não é de confiança máxima e temos consciência disso.»

[Em relação ao lance em que a bola que bateu no braço de um jogador do Marítimo na área]:

«Há que entender qual o critério de mão na bola ou bola na mão. Há que acertar critérios.»

[Sobre não ter aproveitado o empate entre FC Porto e Sporting]:

«Quereríamos ganhar, sem pensar nos outros. Queríamos provar que o que se passou com o Basileia não corresponde ao valor da equipa.»

Raul Caires