Declarações do treinador do Boavista, Daniel Ramos, na sala de imprensa do Estádio do Bessa, após a derrota por 1-0 ante o Moreirense, no duelo da 25.ª jornada da I Liga:

«É um misto de sensações. Claramente foi a melhor exibição do Boavista desde que cá cheguei. O jogo mais bem conseguido. Ofensivamente muito bom, defensivamente a cedermos pouco. Somos confrontados com muita coisa boa, quase tudo bom, menos o resultado. Triste pelo resultado e satisfeito pelo que conseguimos do ponto de vista exibicional.»

«Propusemo-nos a dar uma imagem diferente, aproveitámos o tempo de paragem. Do ponto de vista tático, irrepreensíveis, intensidade de jogo altíssima, provavelmente fomos das melhores equipas na intensidade e dinâmica de jogo. Fisicamente, conseguimos jogar mais tempo e sentimos dificuldades por parte do adversário. Quando se tem isto tudo, 24 remates, tanto caudal, não podemos chegar à beira dos jogadores e mostrar insatisfação. Vamos continuar a trabalhar. Ficou bem demonstrado que temos capacidade. Só tenho pena de não ter dado vitória.»

«No meio disto tudo, tanta coisa boa que podia ser valorizada, uma vitória dava outro alento. Era a demonstração de uma grande exibição e um grande resultado. O resultado não foi possível. A continuar assim, vai entrar em vitórias e resultados positivos.»

[Estreia de Fernando Cardozo:] «Dei-lhe oportunidade, é um jovem, júnior. Aproveitou a paragem para crescer. Aos bocadinhos, vamos fazê-lo jogador. Pode até ser titular na equipa do Boavista, tem potencial, quer ser jogador e teve a oportunidade merecida. Pela oportunidade que lhe dei, só o premiei, porque mereceu esta oportunidade.»

«Não tenham dúvidas que vão ver o Boavista jogar assim. Não vou desvendar mais, mas vamos ser uma equipa a atacar de uma forma e a defender de outra forma. Quero resultados e quero valorizar-me a mim, aos jogadores e ao clube.»

Ricardo Jorge Castro / Estádio do Bessa, Porto