Declarações do treinador do Santa Clara, Daniel Ramos, na sala de imprensa do Estádio Capital do Móvel, após a derrota por 2-1 ante o Paços de Ferreira, em jogo da quarta jornada da I Liga:

«Faltou aproveitarmos melhor a quantidade de oportunidades. Temos cinco ou seis, fizemos só um golo e faltou fundamentalmente isso. Por outro lado, reduzir a eficácia do Paços. O Paços tem também oportunidades, em menor número. Nós não fomos capazes de neutralizar, sofremos dois golos, perdemos o jogo porque o futebol é muito o que se concede e o que se aproveita. Não conseguimos aproveitar o que produzimos e acho que produzimos o suficiente para termos um melhor resultado. Do ponto de vista defensivo não me pareceu um mau jogo, mas por isto ou aquilo, sabemos os porquês, concedemos dois golos.»

«Sem individualizar, ofensivamente a equipa na primeira parte, pela nossa linha defensiva, podia ser mais agressiva na variação de jogo, no transporte, na procura de encontrar os corredores laterais e com isso ganhar metros. Nesse ponto e também no último terço, faltou-nos ser mais esclarecidos. Chegámos lá muitas vezes, mas podíamos ter criado mais e melhores situações para finalizar. Tomarmos melhores decisões.»

[Paragem na Liga, se prejudicou de alguma forma:] «Pelo resultado, sim. Pela exibição e pelos comportamentos, não. Digo isto com toda a humildade, o Santa Clara foi melhor, melhor no que produziu em campo. Se nomearmos uma equipa melhor do que a outra, batemo-nos não por muito, mas batemos o Paços em alguns pontos. Pelo lado exibicional, prestação boa. Não conseguimos aproveitar a quantidade de remates que fizemos. Concedemos alguns remates, oportunidades e o Paços foi mais eficaz. Foi um dia mais feliz para o Paços. Não deixamos de ser os mesmos do que quando ganhamos, tivemos os comportamentos ajustados.»

«Um abraço ao Pepa, regresso rápido, parabéns ao Paços pela vitória.»

Ricardo Jorge Castro / Estádio Capital do Móvel, Paços de Ferreira