Declarações do treinador do Santa Clara, João Henriques, na conferência de imprensa após o empate frente ao Santa Clara, a quatro bolas, em jogo da 33.ª jornada da Liga:

«Não é normal o Santa Clara cometer tantos erros que permitissem ao adversário fazer quatro golos. Porque são todos golos oferecidos. Peço desculpa, e não tirando mérito ao adversário, mas os golos nascem todos de erros nossos, erros individuais que permitiram quatro golos, algo que até hoje ninguém tinha conseguido fazer. Por isso, considero um jogo atípico. Se durante a primeira fase do campeonato as questões emocionais eram naturais numa equipa que vinha de uma segunda liga e ainda estava a começar a crescer na primeira, nesta altura do campeonato as questões emocionais do contexto sobrepuseram-se àquilo que deveria ter sido a razão. E a razão era para mantermos o equilíbrio para não sofrer golos. Até porque somos melhor equipa, demonstrámos melhor qualidade de jogo, mas depois desequilibrámos o jogo nos erros. Não era esse o desfecho que queríamos. Queríamos conquistar os três pontos, oferecer ao Accioly e ao Clemente a vitória. E essa questão emocional dos jogadores quererem tanto dar a vitória aos colegas que tanto respeitam e admiram sobrepôs-se ao que é o normal rendimento da equipa.»

Luísa Couto