Natxo González, treinador do Tondela, em declarações aos jornalistas após a derrota por 1-0 frente ao Belenenses SAD, na 12ª Jornada da Liga:

«Esperamos sempre o melhor da nossa equipa. Na primeira parte fizemos um bom jogo, fomos superiores. O golo sofrido tornou as coisas mais difíceis, não vimos um Tondela que o treinador quer, a colocar mais coração do que cabeça. Não gostámos pelo resultado, mas uma vez mais penso que podíamos ter feito melhor»

[o que pretendeu com nova alteração tática?]

«Queríamos mais acutilância defensiva. Queríamos regressar um pouco ao que tínhamos feito com o Benfica, com o Boavista, com o Rio Ave ou Marítimo. Voltar à linha de quatro…tendo alternativas podes adotar diferentes situações, tentámos e fizemos bem durante minutos, mas não tivemos recompensa para esse trabalho»

[vitória esteve na eficácia?]

«Os dados estão aí, marcámos dois golos nos últimos seis jogos, o objetivo é claro. Defensivamente estamos bem, três golos sofridos nos últimos 6 jogos, mas apenas 2 marcados. O nosso rendimento ofensivo não está a ser bom. Não estamos a finalizar oportunidades claras, sobretudo nos últimos vinte metros. Estar onde cai a bola, isso é difícil e estamos a ter problemas».

Tiago Filipe Silva / Estádio João Cardoso, Tondela