O triunfo robusto na receção ao Desp. Chaves (4-0) «não alivia» o V. Guimarães para a deslocação do próximo domingo a Vila do Conde. Sem vencer fora de portas nos últimos quatro jogos, a ambição de Luís Castro passa por inverter essa tendência na luta pelo «objetivo vivo» do quinto lugar.

«Temos conseguido bons números em casa, o que dá sempre esperança para o próximo jogo, mas o certo é que temos falhado muitas vezes na abordagem aos jogos fora. Queremos transportar um bom jogar, um bom resultado e uma boa dedicação ao jogo, com uma ambição muito grande em conquistar os três pontos na esperança de retificar o que fizemos de mal nos jogos maus fora», atirou o treinador em conferência de imprensa.

O técnico aponta como motivo para esses desaires fora de portas o mau desempenho ofensivo, uma vez que os vimaranenses apenas marcaram um golo longe do D. Afonso Henriques nesses quatro jogos. «Tivemos muita ineficácia no último terço, temos sofrido muito com isso, vamos tentar inverter esse ciclo de quatro jogos sem vencer», disse.

Admitindo que «gostaria de ter mais pontos» Luís Castro assegura que aquilo que está para trás não influencia a ambição da equipa. «Desenhei na cabeça um caminho diferente, com mais vitórias e com um jogo consistente de forma mais consecutiva, mas não vou influenciar o meu pensamento para o jogo pelo que fizemos no passado, o objetivo está vivo. Esperamos conquistar o quinto lugar já que o quarto vai um pouco longe», vincou.

O V. Guimarães desloca-se a Vila do Conde para defrontar o Rio Ave às 15horas do próximo domingo.