O Banco Comercial Português (BCP) e a Portugal Telecom (PT) estão a segurar os tímidos ganhos. O maior banco privado português soma 0,51% para os 1,99 euros, enquanto que a operadora soma 0,33% para os 9,09 euros. A Energias de Portugal (EDP) pressiona o principal índice nacional ao recuar 0,44% para os 2,25 euros.

Depois da forte valorização de ontem, a Reditus corrige na sessão de hoje ao descer 3,2% para os 4,23 euros. Num movimento de correcção está também a Sonae SGPS, com uma queda de 0,9% para os 1,10 euros. A subsidiária, a Sonaecom segue estável nos 3,90 euros.

Em alta está a Gescartão, com a papeleira a registar um ganho de 0,96% para os 10,55 euros. Mas é a ParaRede que está a liderar os ganhos, com os títulos a somarem 2,78% para os 37 cêntimos.

Os mercados bolsistas europeus seguem em alta, com o índice londrino FTSE a somar 0,37%, o índice francês CAC a ganhar o mesmos 0,37%, o índice alemão DAX a subir 0,27% e o índice espanhol IBEX a avançar 0,03%.

As bolsas norte-americanas devem abrir com ganhos ligeiros, depois do petróleo ter conduzido, na última sessão, os principais índices para os mínimos do ano.
Sandra Pedro