De acordo com os dados, 9,1 por cento dos inquiridos respondeu que costuma ouvir rádio pela Internet, um valor superior aos 6,9% que se tinha registado em 2005 e aos 4,7% de 2004.

Relativamente aos locais em que ouvem rádio, em casa é o local mais respondido com 7,9% dos inquiridos, sendo que 6,7% responde que é no local de trabalho e 0,3% elege outros locais.

O consumo global de rádio, no que diz respeito a ouvintes com mais de 14 anos (universo do estudo), manteve-se entre os 4,5 milhões e os 4,9 milhões de indivíduos.
Redação