Cristiano Ronaldo no Manchester City? É muito provável, mas Pep Guardiola ainda não o admite publicamente. Hábil com as palavras, o treinador dos citizens diz que «tudo pode acontecer» nos próximos três ou quatro dias, sublinhando que o português é «dos poucos» que se pode dar ao luxo de escolher o destino. 

«Há poucos jogadores que podem decidir onde podem jogar, como o Ronaldo e Messi. O Messi decidiu onde queria jogar. Quis ir para o PSG e foi para o PSG. O Cristiano Ronaldo é jogador da Juventus. Faltam poucos dias para o mercado fechar. O Cristiano Ronaldo vai decidir onde quer jogar, não o Manchester City, nem eu», disse Pep Guardiola em conferência de imprensa.

O catalão aproveitou para elogiar «os dois melhores do mundo», nunca se comprometendo com uma ententual chegada de Cristiano a Manchester.  

«O que Cristiano Ronaldo e Messi fizeram nestes últimos anos é incrível. Estou mais do que satisfeito com a minha equipa. Somos os mesmos, menos o Aguero, que saiu, e mais o Jack [Grealish], que entrou.»

Sobre Harry Kane, que continuará no Tottenham, Pep foi claro: «O Tottenham não quis negociar, por isso nem sequer negociámos. Se eu tivesse o Harry Kane, talvez fizesse o mesmo.»