Frederico Morais qualificou-se nesta quarta-feira para a terceira ronda da etapa de Cascais do circuito mundial de qualificação de surf, ao vencer a bateria, que ditou a eliminação de Tomás Fernandes.

O surfista português, único português no circuito principal e que entrou em prova apenas na segunda ronda, conseguiu 16 pontos e ficou à frente de Adam Melling (12,93), que também avançou na competição, e Tomás Fernandes (11,73) e Gony Zubizarreta (8,17), estes últimos eliminados.

O período de espera do campeonato cascalense, que atribui 10 mil pontos para o ranking de qualificação, decorre até ao dia 5 de outubro.