«A figueira agradece ao promotor o facto de ter celebrado um protocolo que garante a realização futura de, pelo menos, mais três RFM Smonii na cidade [incluindo a edição de 2015]. Este compromisso é um desafio para todos, mas também uma responsabilidade», afirmou João Ataíde.



Redação / CGF