O cantor Ed Sheeran comprou duas casas para não receber queixas dos vizinhos, que estariam relacionadas com o barulho de concertos e festas. O artista é dono de 22 imóveis, nas quais investiu mais de 46 milhões de euros.

Os dois novos apartamentos foram adquiridos ao lado da sua mansão, em Londres, que custou mais de 20 milhões de euros. Ed Sheeran comprou as duas casas por um valor superior a quatro milhões de euros.

O Ed tinha vizinhos que se queixavam do barulho antigamente. Quando teve a possibilidade de comprar as duas casas ao lado da sua casa em Londres, ele agarrou a oportunidade”, contou fonte próxima do cantor, ao The Sun.

Além das duas casas, o cantor comprou uma outra por cima de um restaurante de que é dono, em Notting Hill.

Decidiu comprar o apartamento por cima do seu restaurante porque pode ser importante para o negócio continuar a crescer”, revelou a mesma fonte.

Esta não é a primeira vez que Ed Sheeran é notícia por questões relacionadas com imobiliário. Há pouco mais de um mês, o cantor contestou uma decisão que o impede de utilizar uma lagoa como piscina. A decisão da autarquia de Suffolk limita a utilização do espaço a empreendimentos que favoreçam a vida selvagem, ainda que esteja numa propriedade do artista.

Já depois disso, relatos e fotografias mostram que o cantor colocou fardos de feno a tapar a paisagem da lagoa, o que tem deixado os populares descontentes.

Ed Sheeran, que tem apenas 28 anos, construiu um autêntico império imobiliário. Ao todo, o cantor terá 22 casas espalhadas por todo o Reino Unido. Em 2018 foi o artista que mais lucrou com digressões.