Lady Gaga, Rihanna e Justin Bieber são algumas das celebridades que foram escolhidas por uma organização humanitária para tentar tornar possível a captura de um criminoso de guerra no Uganda.

Um vídeo de quase 30 minutos feito pela organização «Invisible Children» tornou-se viral e já tem quase dois milhões de visitas desde que foi lançado há dois dias. O projeto apresenta uma lista de famosos, com os respetivos endereços do Twitter para que as pessoas tentem convencer músicos, atores e apresentadores de TV a juntarem-se à sua causa.

O propósito da campanha é apanhar e prender Joseph Kony, líder de um grupo de guerrilha do Uganda que é acusado de raptar crianças e transformá-las em soldados.

A organização apela para que, através do poder da Internet, se consiga atingir uma lista de vinte celebridades e multimilionários e de vinte políticos, de forma a capturar a sua atenção e envolvê-los neste projeto. Da lista fazem também parte Taylor Swift, Oprah Winfrey, Jay-Z, George Clooney, Angelina Jolie, Bono e Bill Gates, entre outros.

Os cibernautas estão a responder de forma massiva através das mais diversas redes sociais. Muitos já foram aqueles que postaram vídeos com apelo à divulgação no Youtube e a maioria dos vídeos de música das celebridades que se pretendem atingir já contam com inúmeros comentários sobre o projeto «Kony 2012».





Redação / AM