O compositor italiano Ennio Morricone morreu aos 91 anos. 

De acordo com a agência de notícias ANSA, o compositor morreu numa clínica italiana, depois de ter sofrido uma fratura no fémur, na sequência de uma queda.

Ennio Morricone "morreu ao amanhecer de 6 de julho no conforto da fé", indica o comunicado do advogado e amigo da família, Giorgio Assuma, citado pela imprensa italiana. 

Esteve totalmente lúcido e manteve uma grande dignidade até ao último momento", acrescenta a nota.

Morricone, que nasceu em Roma, fez mais de 400 músicas de bandas sonoras para cinema e televisão e a sua carreira foi distinguida com vários prémios, entre os quais o Óscar.

Compôs algumas das bandas sonoras mais conhecidas dos filmes western de Sergio Leone, como "O Bom, O Mau e o Vilão", "Era Uma Vez no Oeste" e "Era uma vez na América".

Depois de ter recebido um Óscar honorário em 2007, Morricone ganhou, por fim, o Óscar de Melhor Banda Sonora em 2016 com o seu trabalho em "Os Oito Odiados", de Quentin Tarantino.

Sofia Santana