A pianista Olga Prats morreu nesta sexta-feira, aos 82 anos, na sua residência na Parede, concelho de Cascais, vítima de doença prolongada, disse à Lusa o compositor Sérgio Azevedo, que era seu amigo.

Ao longo dos quase 70 anos de carreira, Olga Prats privilegiou a música de câmara, destacando a produção contemporânea.

Além de Fernando Lopes-Graça, foi também colaboradora próxima de outros compositores, como Constança Capdeville e Victorino d'Almeida. Todos lhe dedicaram peças e a pianista estreou várias composições suas.

Lecionou no Conservatório Nacional e na Escola Superior de Música de Lisboa até novembro de 2008.

/ CM