Em 1999, Miguel Araújo perdeu uma carteira. Um facto que, por si só, não daria aso a qualquer evento noticioso, não fosse a mesma ter sido entregue à sua porta recentemente.

No Instagram, o músico e intérprete revela como uma “simpática cidadã” "tocou à campainha de casa dos seus pais para devolver uma carteira que lhe apareceu na boca do cão.

 

Eu tinha perdido essa carteira no século passado. A senhora tocou na morada que vinha num dos cartões. 22 anos depois. Cartões impecáveis, um deles em papel, em cartão, escrito a esferográfica. Como se fosse ontem", descreve

Araújo explica ainda que, ao contrário de muitas coisas que se “evaporam”, “esta carteira desevaporou, cristalizada no tempo, 22 anos depois”. 

 

 

 

De facto, nela ainda é possível ver um cartão de estudante e um cartão de visita de uma pensão em Tomar. “Como é que é possível? Por onde terá andado a carteira?", interroga-se no final da publicação.

Redação / HCL