Rhianna está decidida a dizer em tribunal que não concorda com a ordem judicial que proíbe o seu ex-namorado, Chris Brown, de se aproximar dela.

O cantor, que agrediu Rhianna em Fevereiro, está agora obrigado a manter uma distância de 45 metros da também cantora, ou de 10 metros caso estejam no mesmo evento. Além disso, não pode contactá-la por telefone nem por e-mail.

Em declarações à revista «People», o advogado de Rhianna revelou que a cantora considera desnecessárias tais medidas e que apenas pretende «uma ordem para que Chris Brown não a chateie, moleste ou assedie». Sobre os rumores de que o ex-casal de namorados está novamente junto, o advogado não quis fazer comentários.

Recorde-se que no mês passado o rapper pediu publicamente desculpas à ex-namorada pela agressão que lhe valeu seis meses de trabalho comunitário, uma multa avultada e ainda aulas de prevenção de violência doméstica.

Chris Brown volta esta quarta-feira a tribunal para recorrer da sentença que o obriga a ficar em liberdade condicional durante cinco anos.