A soprano norte-americana Jessye Norman, uma estrela da ópera internacional que ganhou quatro prémios Grammy e a Medalha Nacional das Artes, morreu hoje, aos 74 anos, anunciou a porta-voz da família.

Um comunicado adianta que Jessye Norman morreu devido a um choque sético e falência de múltiplos órgãos, na sequência de complicações causadas por uma lesão medular sofrida em 2015.

Jessye Norman morreu num hospital em Nova Iorque.

Estamos orgulhosos dos seus feitos na música e da inspiração que ela deu ao público em todo o mundo, que continuará a ser uma fonte de alegria”, refere a família no documento.