O tribunal superior da cidade norte-americana de Los Angeles decidiu aplicar uma ordem de restrição temporária ao marido da cantora Mel B. A cantor que integrou o grupo pop Spice Girls, acusa Stephen Belafonte de maus tratos, abusos físicos e emocionais e também de pretender divulgar um video com cenas de sexo entre ambos.

A cantora britânica, de 41 anos, argumenta que o ainda marido, de quem pediu o divórcio no mês passado, a agrediu e destruiu sua auto-estima.

Mel B acusa o produtor de TV de pretender divulgar um video, no qual terá sido filmada, algumas vezes, sem o saber, segundo refere o jornal britânico The Guardian.

Na queixa apresentada, Mel B detalhou incidentes que remontam a 2007. Alegou que Belafonte a golpeou no chão e começou a sufocá-la na noite da final do programa de televisão "Dancing with the Stars".

A ordem de restrição temporária a que Belafonte fica sujeito impede-o de qualquer ação que possa afetar a que é ainda sua mulher. Uma audiência final do processo ficou agendada para 24 de abril.

Mel B e o produtor Belafonte casaram-se em 2007 e têm uma filha de cinco anos.

A ex-Spice Girl tem duas outras crianças de relacionamentos anteriores. A cantora ficou conhecida como "Scary Spice" no grupo britânico que fez furor na década de 90 do século passado.

/ PD