Pablo Alborán compôs a letra e a música como já é habitual - «Tanto» é o nome do novo disco mas também deste single que cantou ao vivo nos estúdios da Rádio Comercial.

«É uma canção que fala de quando tudo está bem, quando a vida sorri, quando tudo é maravilhoso e quando, de um dia para o outro, tudo desaparece. Ficas sozinho e, quando dás meia volta, percebes que a pessoa que esteve sempre ali a apoiar-te e que quer estar contigo, continua ali, apesar das coisas já não estarem tão bem como antes», explicou o cantor espanhol à TVI.

«E o disco tem também o mesmo nome porque acredito que tudo o que se tem passado comigo ao longo destes anos é difícil de explicar. E a única palavra que me ajudava a explicar tudo isto era a palavra "tanto".»

«Tanto» é também o significado do sucesso que Alborán faz em Portugal. O cantor está no top 30 de vendas nacional há mais de 30 semanas.

«O que acontece é que me emociono muito com isso porque é uma terra tão rica musicalmente e culturalmente, que poder estar aqui já é um luxo e ter corrido tudo tão bem até agora é um privilégio. Estou muito feliz, muito emocionado e muito agradecido ao público português», contou o cantor malaguenho, que disse apreciar o fado, estilo musical que conheceu desde bem cedo.

«O que melhor conhecia era a música tradicional portuguesa e o primeiro que fui ver, quando era muito novo, foi da Dulce Pontes. Desde muito pequeno que sinto uma ligação com o fado.»

Depois de ter alcançado a liderança do top português com um álbum que inclui um dueto com a portuguesa Carminho, Pablo Alborán vai lançar o seu terceiro disco no dia 5 de novembro.

Já dia 10, Pablo Alborán sobe ao palco do Coliseu do Porto e a 12 de novembro é a vez de Lisboa receber o artista que no ano passado mais discos vendeu em Espanha e em Portugal.