A saúde em Portugal esteve em debate na Assembleia da República, com a oposição a tecer várias críticas ao funcionamento do SNS. António Lobo Xavier relembrou que os números são dramáticos, sem esquecer o relatório que revela um aumento na procura de seguros de saúde por parte de cidadãos de estratos sociais baixos.

O Serviço Nacional de Saúde apresenta números dramáticos”, reitera António Lobo Xavier.

 

Jorge Coelho reconheceu que existem problemas no Serviço Nacional de Saúde. No entanto, o comentador da TVI relembra as palavras de Marcelo Rebelo de Sousa aquando da chegada da Troika a Portugal. Jorge Coelho afirmou ainda que apesar das lacunas o serviço público encontra-se em melhor estado do que no passado.

Nos últimos quatro anos, entraram 15 mil funcionários na área da saúde”, relembrou Jorge Coelho.

 

José Pacheco Pereira classifica de “absurdo” a tentativa do Governo de excluir a participação dos privados no Serviço Nacional de Saúde. Ainda assim, o comentador da TVI referiu que as falhas no SNS já existem em Governos anteriores. Pacheco Pereira realçou ainda que está a existir um aproveitamento dos privados desta polémica em torno da saúde em Portugal e deixou críticas à atuação da comunicação social.

É um absurdo tentar impedir a participação dos privados no SNS”, destacou José Pacheco Pereira.