A Cimeira do Clima em Madrid, conhecida como COP25, esteve em análise na Prova dos 9 e foi um dos temas debatidos por Constança Cunha e Sá, Paulo Rangel, Fernando Rosas e Pedro Silva Pereira.

Paulo rangel considera "inqualificável a figura que António Guterres fez nas Nações Unidas" e considera Greta Thunberg a "Joana d'Arc do ambiente".

Para Fernando Rosas, no que respeita às políticas ambientais, "o capitalismo neoliberal é suicidário" uma vez que "prefere destruir a humanidade, a prescindir do lucro como critério geral e absoluto de organização social". O professor deu ainda o exemplo da posição dos Estados Unidos da América face às alterações climáticas.

A luta pela emergência climática não é uma luta de comportamentos individuais. É uma luta que respeita uma nova forma de organização da economia e da sociedade. Nesse sentido estes jovens são os principais sujeitos da mudança”, conclui Fernando Rosas.

 

 O encontro entre o primeiro-ministro de Israel e o secretário de estado dos Estados Unidos também esteve em análise no debate desta sexta-feira. 

Acontece em Portugal por razões acidentais” considerou Pedro Silva Pereira, sobre o encontro do primeiro-ministro de Israel com o secretário de estado dos Estados Unidos em Lisboa.

 

Este encontro nada teve a ver com a diplomacia portuguesa”, disse o político no debate desta sexta-feira na Prova dos 9.