Uma das notícias do dia foi um modelo que o Governo pretende instituir com políticas de combate à corrupção. No Jornal das 8 desta segunda-feira, Miguel Sousa Tavares e Pedro Pinto entrevistaram o presidente da Associação Sindical de Juízes.

Manuel Soares explicou que a dificuldade de combater a corrupção não significa que tudo esteja mal com as leis portuguesas.

Não podemos atirar a Constituição fora só porque não temos resultados", afirmou.

Semana decisiva em Madrid

Começou esta segunda-feira a última semana da Cimeira do Clima (COP25), em Madrid. Miguel Sousa Tavares considerou que os próximos dias podem ser decisivos no combate às alterações climáticas, mas lembrou o que é preciso fazer, nomeadamente no caso português.

O comentador referiu que, um eventual acordo que Portugal possa vir a ratificar pode levar a uma despesa anual de 700 milhões de euros. O dinheiro, que poderá fazer parte de um bolo de 90 mil milhões de euros, destina-se a ajudar os países mais pobres a encontrar vias sustentáveis de desenvolver a economia.

Miguel Sousa Tavares relembrou que, apesar da iniciativa, países como os Estados Unidos continuam a investir na exploração de combustíveis fósseis.

Aquilo que a Europa poupar não será poupado noutros sítios”, referiu Miguel Sousa Tavares.

Reino Unido vai a votos

Esta quinta-feira os britânicos vão escolher os seus próximos representantes. As últimas sondagens dão uma larga vantagem ao Partido Conservador, do atual primeiro-ministro, Boris Johnson.

Do outro lado vão estar os trabalhistas e os liberais democratas. Os três partidos apresentam diferentes visões para a saída do Reino Unido da União Europeia. Para Miguel Sousa Tavares, há um rumo que parece ser menos provável.

Os que querem [na União Europeia] ficar têm poucas hipóteses", referiu.

 

 

  
/ AG