O Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV) defendeu esta terça-feira o fim do estado de emergência como resposta à pandemia de covid-19 e apelou ao aumento da testagem e da vacinação dos portugueses.

Não faz sentido continuar com o estado de emergência, porque já, o dissemos, não é o estado de emergência que nos protege da doença, é sim testar, isolar, rastrear e vacinar para ficarmos com uma imunidade que nos proteja nos próximos tempos”, afirmou a deputada do PEV Mariana Silva aos jornalistas, depois do encontro entre especialistas e políticos, no Infarmed, em Lisboa.

Esta é também a posição que os Verdes dizem ir defender na conversa, por telefone, com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa sobre a situação epidemiológica do país e o estado de emergência.

O PEV, assim como o PCP, tem votado, no parlamento, contra a renovação do estado de emergência nos últimos meses.

/ CE