Não eram tempos felizes. Entre 1926 e 1934, em Portugal consolida-se uma das mais longas ditaduras do século XX. Foi um processo violento, com dezenas de mortos em 1927, prisões e deportações em série, bombas, descarrilamento de comboios, e o maior saneamento da história de Portugal no século XX, ao lado do qual o que aconteceu depois do 25 de Abril é irrelevante. Mas há uma parte de Portugal que frequenta aquilo que eram na época os seus hotéis de luxo, como o Palace Hotel da Curia e o do Buçaco. Nem sequer era a alta, era muito a média alta burguesia.

Existe no ARQUIVO EPHEMERA uma fotografia de um desses jantares "à americana", bem como várias ementas com todos os sinais de elegância e luxo.

O grafismo é cuidado e as ementas, onde os pratos são descritos com nomes franceses, são decoradas por cartas de jogar chinesas, uma lagosta e um par dançante, um Arlequim  e uma Colombina negros,"à americana". Mas as fotografias são cruéis, na verdade o salão nobre do Palace é pobre em comparação com os grandes hotéis da época, com um ar provinciano. O luxo era luxo para os portugueses, era caro lá estar, mas era tudo remediado.

 

Veja aqui o programa Ephemera da TVI24

 

A TVI24 associa-se à biblioteca e arquivo de José Pacheco Pereira, publicando todos os dias uma imagem inédita dos fundos do arquivo, que estão a ser tratados mas ainda não foram publicados. Essa imagem, que pode ser uma fotografia, um panfleto, um documento, a capa de um livro, um objecto, um autocolante, um pin, um cartaz, um vídeo ou uma gravação será acompanhada por um pequeno texto que complementa a informação do EPHEMERA DIÁRIO. 

Quem possa ter mais documentação ou informações sobre a imagem/tema em causa pode enviar para jppereira@gmail.com ou jrreis@tvi.pt.

Pacheco Pereira