Dijsselbloem precisou que a assistência foi prolongada por quatro meses