A ministra da Coesão Territorial afirmou esta quarta-feira que estão criadas as condições para que os trabalhos para retirar o amianto das escolas estejam concluídos neste verão, antes do início do próximo ano letivo.

Na comissão parlamentar de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação, Ana Abrunhosa afirmou que o Programa de Remoção do Amianto nas Escolas “está praticamente concluído”.

A ministra salientou que foram aprovadas 94% das 487 candidaturas a este programa de escolas, em 133 municípios.

Segundo Ana Abrunhosa, “neste momento” 58 escolas já concluíram a obra e 115 escolas têm obra em curso.

São mais de 380 os estabelecimentos de ensino com o concurso lançado e outros 30 estão a preparar o procedimento concursal, em processo final de análise, sublinhou.

Portanto, significa que nós temos todas as condições criadas para que os últimos trabalhos possam ser feitos nas férias do verão, o que será uma boa notícia para as nossas escolas e para as nossas famílias e para os nossos territórios”, considerou.

O Programa de Remoção do Amianto nas Escolas tem um apoio de 46,5 milhões de euros e representa um investimento total de 62 milhões de euros.

. / JGR