A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social pediu esta quarta-feira às instituições sociais que deixem os utentes saírem e terem visitas, lembrando que se trata de um direito básico.

A ser ouvida na Comissão Parlamentar do Trabalho e Segurança Social, a ministra Ana Mendes Godinho, praticamente no final da audição regimental, aproveitou para deixar um apelo relativamente à questão das visitas às Estruturas Residenciais para Idosos (ERPI), mais conhecidas como lares.

Reiterar a necessidade de as pessoas, os utentes que estão nos lares, terem o direito a saírem, terem visitas. Reiterar e pedir muito às instituições que respeitem e salvaguardem estes direitos das pessoas”, pediu a ministra.

De acordo com Ana Mendes Godinho, o Instituto de Segurança Social já por duas vezes alertou as instituições “para a necessidade de serem cumpridos estes direitos básicos necessários das pessoas”.

A ministra lembrou que nesta fase tanto utentes como trabalhadores das instituições “já estão num processo de vacinação praticamente concluído”, à exceção de alguns onde tenha havido surtos.

. / CE