“Há hoje uma visão mais aprofundada na Europa sobre o que é preciso fazer depois destes programas de ajustamento, do insucesso que em todos os países estas doses maciças de austeridade tiveram, nuns casos pior e noutros, onde não foi tão funda a austeridade, menos grave, mas a Grécia é mesmo o exemplo do país em que mais longe foram na aplicação da austeridade e que em pior resultado ficou”, declarou.






perdão de dívida