«É extremamente difícil angariar apoio internacional para a Guiné-Bissau (¿) se não há credibilidade internacional do país, mas ao mesmo tempo acho que há muita disponibilidade para ajudar a Guiné-Bissau se os sinais correctos vierem cá de dentro»



realização de eleições e pela recusa de qualquer impunidade.





«impressão de que a população da Guiné-Bissau está de facto em choque»