O Presidente da República admite que as eleições legislativas e autárquicas podem «eventualmente coincidir».

«São duas datas mas podem eventualmente coincidir. Eu apenas quis dizer que uma é fixada pelo Governo e outra é fixada pelo Presidente da República. Não há qualquer decisão, nem para uma eleição nem para outra», disse Cavaco Silva, acrescentando: «Antes do fim do mês, vão-se conhecer as duas datas para as autárquicas e as legislativas».

«Muito em breve irão ocorrer as reuniões com os partidos políticos, quer para a fixação da data das eleições autárquicas pelo Governo, quer a reunião com o Presidente da República, que será depois das reuniões com o Governo, para a fixação da data das eleições legislativas», referiu, explicando que só tomará uma decisão depois de ouvir os partidos representados na Assembleia da República.

De acordo com a lei, as eleições autárquicas são marcadas pelo Governo para o período entre 22 de Setembro e 14 de Outubro e a marcação tem de ser feita até 80 dias antes da última data possível. As eleições legislativas são marcadas pelo Presidente da República para um período mais largo, entre 14 de Setembro e 14 de Outubro, e podem ser marcadas mais tarde, até 60 dias antes da última data possível.
Redação / FC