O líder do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos, e o presidente do PS, Carlos César, são alguns dos representantes partidários que vão marcar presença no encerramento do 38.º Congresso do PSD, no domingo.

De acordo com informações recolhidas pela agência Lusa, a delegação socialista será composta, além de Carlos César, pelo secretário-geral adjunto, José Luís Carneiro, e por Miguel Alves, presidente da Federação do PS de Viana do Castelo.

Tal como tinha anunciado, o novo líder do CDS-PP estará no encerramento do Congresso social-democrata, apesar de o presidente do PSD, Rui Rio, ter estado ausente do conclave dos democratas-cristãos, que se realizou há duas semanas em Aveiro.

Além de Rodrigues dos Santos, a delegação do CDS-PP é composta pelo coordenador autárquico, Fernando Barbosa, pelo presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima, Vítor Mendes, e pelos presidentes da distrital e concelhia de Viana do Castelo, Paulo Sousa e Carlos Meira, respetivamente.

O PCP envia ao encerramento da reunião magna social-democrata Gonçalo Oliveira, da Comissão Política do Comité Central do partido, e João Correia, membro do Comité Central e da Direção de Organização Regional de Viana do Castelo.

Como habitualmente, o BE não se faz representar nos Congressos do PSD.

O PAN escolheu Sandra Pimenta, da Comissão Política da Distrital de Braga.

Já o Partido Ecologista “Os Verdes” terá dois dirigentes nacionais em Viana do Castelo: Filipe Gomes e Júlio Sá, membros do Conselho Nacional.

O Chega estará representado pelo vice-presidente Nuno Afonso e pelo assessor jurídico Rodrigo Alves Taxa.

Pela Iniciativa Liberal, estarão presentes Vicente Ferreira da Silva, Olga Baptista e Rafael Corte-Real, todos da Comissão Executiva.

O 38.º Congresso do PSD arrancou na sexta-feira e decorre até domingo em Viana do Castelo, com a eleição dos órgãos nacionais e o discurso de encerramento do líder reeleito, Rui Rio.

/ ALM com Lusa