O ministro das Finanças João Leão disse esta quarta-feira no parlamento que as previsões apontam para que, em 2022, o tecido económico português recupere acentuadamente, tendo o melhor resultado do PIB de sempre.

"Isto são previsões do Governo e de outras entidades", referiu o ministro das Finanças, em resposta ao CDS.

O ministro das Finanças relembra ainda que em 2020 “houve uma queda da economia muito significativa” que afetou os países com maiores ligações ao turismo, porém diz que, nesse espectro, Portugal foi dos menos afetados.

“A dívida pública aumentou em Portugal e nos outros países do mundo”, diz, seguro de que existirá uma trajetória descendente durante o próximo ano.

João Leão assegura ainda que, enquanto o país for fustigado pela covid-19, "os apoios às empresas se manterão”.