A repetição da eleição para a União de Freguesias de Sande Vila Nova e Sande São Clemente, no concelho de Guimarães, foi agendada para 10 de outubro, um domingo, informaram hoje as duas candidaturas que empataram no domingo.

Segundo a contagem no domingo, dia das eleições autárquicas de 2021, o PS venceu o sufrágio para a Assembleia de Freguesia, com 893 votos (44,90%), mais um do que a lista da coligação Juntos por Guimarães (PSD/CDS-PP), com 44,85%, mas o Tribunal Judicial de Guimarães considerou “nulo” um dos votos previamente válidos na candidatura socialista.

A lista do PS, encabeçada por Lucinda Oliveira, confirmou hoje à tarde, na página oficial na rede social Facebook, que o “novo ato eleitoral vai decorrer a 10 de outubro, decorrendo o período de votação entre as 08:00 e as 20:00”.

A candidatura do PSD/CDS-PP, liderada por Tiago Rodrigues, divulgou a mesma informação pouco depois, também através da rede social Facebook, acrescentando que os “eleitores são chamados a votar apenas para a Assembleia de Freguesia”.

Contactada pela Lusa, fonte da Comissão Nacional de Eleições frisou que a repetição de uma eleição implica a ida a votos de todas as listas originalmente inscritas, pelo que a candidatura da CDU, liderada por José Mendes, volta igualmente às urnas, após ter recolhido 102 votos no domingo (5,13% do total).

Os 3.202 eleitores inscritos vão de novo escolher os nove mandatos para a Assembleia de Freguesia, depois de um primeiro sufrágio em que votaram 1.989 cidadãos – 37,88% de abstenção.

Nos últimos quatro anos, a união de freguesias foi presidida por Bruno Oliveira, do PS.

Agência Lusa / HCL