António Costa triunfou em casa, Lisboa, conseguindo alcançar 38,64% dos votos na freguesia de Benfica. O PS teve mais 3.113 votos do que o PSD e conseguiu mais 1,36% dos votos obtidos em 2015. Presidente da Câmara Municipal de Lisboa de 2007 a 2015, António Costa conseguiu também uma vitória no distrito, conquistando 36,74% dos votos, ficando à frente do PSD que obteve 22,60%.

Embora o PSD tenha vencido em Massarelos, freguesia natal de Rui Rio, o líder dos sociais-democratas viu o seu partido descer de 39,59%, em 2015, para 36,65% no Porto, onde foi presidente de câmara. O PS ficou à frente do PSD por 51.313 votos.

Catarina Martins nasceu no Porto, vota em Vila Nova de Gaia e aqui venceu o PS, com 37,05% dos votos, seguido do PSD, com 27,70% dos votos. O Bloco de Esquerda aparece como terceira força política do concelho, com quase 12%.

Jerónimo de Sousa é da aldeia de Pirescoxe, que pertence a Santa Iria da Azóia, em Loures, mas na sua terra o líder comunista não convenceu e o PS conseguiu vencer com 41% dos votos. O PSD ficou em segundo lugar, com 15,4%, e a CDU só surge como terceira força política, ao alcançar 14,4%.

O CDS perdeu muitos votos e na freguesia onde a ex-líder centrista votou, Miraflores, Oeiras, apenas convenceu cerca de 1.500 eleitores. Aqui o PS liderou, seguindo-se PSD, BE e CDU. O CDS surge apenas em quinto lugar. 

O líder do PAN nasceu na extinta freguesia de São Cristóvão e São Lourenço, agora integrada na freguesia de Santa Maria Maior, em Lisboa. Na sua freguesia natal, André Silva conseguiu convencer 197 eleitores a votar no seu partido. Já a nível distrital, o PAN conseguiu alcançar 4,41% dos votos em Lisboa, onde o PS saiu vitorioso, conseguindo 36,74% dos votos.

André Ventura é natural da freguesia de Algueirão-Mem Martins, onde só conseguiu ter o sétimo melhor resultado, com 2,69% dos votos. Sintra também manteve a mesma tendência e deu ao Chega apenas 2,50% dos votos.

Na terra natal de Marcelo Rebelo de Sousa, Celorico de Basto, foi o PSD que saiu vitorioso, alcançando 40,16% dos votos. O PS de António Costa surge em segundo lugar com 35,03% dos votos. Já no distrito de Braga, o resultado inverte-se, com o PS a conseguir 36,40% dos votos, mais 10,816 votos do que o PSD.