venceu as eleições legislativas

“Ninguém diria há seis meses atrás que a coligação poderia ganhar as eleições. António Costa chegou a ter sondagens que davam 45%, o que significava o PS ter maioria absoluta. Ora, o que aconteceu aqui foi de facto um processo de resistência fantástico da parte da coligação, o que me leva a pensar que se esta semana durasse mais uma semana provavelmente nós não estaríamos aqui a discutir se haveria ou não maioria absoluta porque se calhar haveria mesmo”, afirmou.


"António Costa teve uma série de fatores a jogarem contra, mas os maiores problemas criou-os ele. Ele acreditou que a classe média estava maioritariamente contra o atual Governo, mas essas pessoas fugiram para os outros partidos de esquerda", sublinhou.


"Catarina Martins revelou-se uma líder nata e é a grande surpresa destas eleições. Posicionou-se como uma líder do projeto de esquerda", defendeu.