O porta-voz do PAN, André Silva, congratulou-se hoje com a eleição de um eurodeputado para o Parlamento europeu, ressalvando que o partido “não é uma moda” e que “ganhará cada vez mais voz”.

Hoje é uma noite para festejar, uma noite histórica. O PAN não é uma moda. Há cada vez mais pessoas a pensar como nós. Temos dado respostas, ao contrário dos partidos tradicionais”, afirmou André Silva, num discurso para dezenas de militantes, que gritavam “Europan”.

A reação do líder do Pessoas-Animais-Natureza surgiu por volta das 00:10, logo após a confirmação da eleição de um eurodeputado.

Num curto discurso, André Silva afirmou que “a religião do PIB [Produto Interno Bruto] não pode estar no centro da discussão”, mas sim questões como a “crise climática”.

Esta noite é a confirmação de um percurso que tem sido feito desde 2011. É uma noite histórica e vamos festejar”, congratulou-se.

Eurodeputado eleito do PAN diz que Europa ganha uma voz ecologista

O eurodeputado eleito pelo PAN, Francisco Guerreiro, afirmou hoje que com a sua eleição a Europa terá uma “voz ecologista", que defende os direitos humanos e dos animais.

“Para nós, não é uma surpresa. Foi um trabalho honesto e de propostas”, afirmou o eurodeputado eleito, nas primeiras palavras que dirigiu às dezenas de militantes que se juntaram na sede do partido, em Lisboa.

Francisco Guerreiro referiu que deseja uma “Europa nova, mais democrática e que priorize as alterações climáticas e defenda os direitos dos animais”.

Rompemos com o paradigma da direita e da esquerda, ao trabalhar para um novo paradigma. Seremos uma voz ecologista e que defende os direitos humanos”, assegurou.