da empresa Proengel, com ligações a Carlos Santos Silva, são outros dois detidos, apurou a TVI. O último detido é João Perna, um motorista.











Esta é a primeira vez na história da democracia que um antigo primeiro-ministro é detido para interrogatório.



Redação / PP