A Presidência da República vai receber, no próximo dia 28 de outubro, a plataforma de advogados que se constituiu para ajudar as mães portuguesas no Reino Unido a quem foram retirados os filhos, alegadamente para um negócio de adoção forçada. Os advogados devem ser recebidos por assessores do Presidente. 

A plataforma de advogados que se propõem ajudar as mães a quem são retirados os filhos em Inglaterra já conta cerca de 200 elementos. Estão dispostos a trabalhar pro bono. Foi constituída depois da da reportagem da TVI "Love you Mom".

Alguns dias depois da reportagem, também o Presidente da República reagiu ao trabalho exibido pela TVI. Marcelo Rebelo de Sousa disse estar "informado sobre a atuação dos serviços sociais britânicos", em estreita articulação com o Governo.

O Presidente da República, em estreita articulação com o Governo, está informado sobre a atuação dos serviços sociais britânicos, nomeadamente na aplicação da lei de proteção de menores. O Presidente da República confia nas autoridades envolvidas nas diligências que visam garantir o apoio às famílias portuguesas que o requisitam".

A TVI exibiu no início de outubro um conjunto de duas reportagens, resultado de uma investigação da jornalista Ana Leal. A reportagem fala de um negócio que envolve agências privadas de adoção e famílias de acolhimento que recebem por semana centenas de libras por cada criança que têm a cargo.

Veja aqui a reportagem "Love you Mom" na íntegra

Manuela Micael / Atualizada às 21:33