O Presidente da República, que se recandidata ao cargo, ficou na terceira posição no ordenamento dos nomes nos boletins de voto para as eleições de 24 de janeiro, surgindo em último lugar a candidata Ana Gomes.

O primeiro nome a figurar nos boletins de voto é o do cidadão Eduardo Batista, seguindo-se o da eurodeputada bloquista Marisa Matias, e o de Marcelo Rebelo de Sousa, de acordo com o resultado do sorteio hoje realizado no Tribunal Constitucional.

Em quarto lugar figura o nome do dirigente da Iniciativa Liberal Tiago Mayan, seguido pelo líder do Chega, André Ventura, o líder do RIR, “Tino de Rans”, o dirigente comunista João Ferreira e, finalmente, a diplomata Ana Gomes.

O presidente do TC, Manuel da Costa Andrade, e o secretário de Justiça Vítor Mendes protagonizaram os procedimentos, perante representantes das diversas candidaturas.

Os juízes do Palácio Ratton têm 04 de janeiro para verificar a admissibilidade das proposituras, nomeadamente o número mínimo de 7.500 assinaturas válidas de cidadãos eleitores.

Segue-se um período de recurso por parte das candidaturas consideradas inelegíveis ou com irregularidades e a decisão final é proferida até 11 de janeiro.

Até ao prazo-limite das 16:00 de 24 de dezembro dirigiram-se ao TC nove cidadãos que entregaram documentação com a intenção de concorrerem ao Palácio de Belém, segundo fonte da secretaria-geral do órgão de soberania.

Eduardo Batista, por exemplo, deslocou-se à instituição no mesmo dia em que o fizeram Marcelo Rebelo de Sousa, Marisa Matias e André Ventura, mas somente com um punhado de folhas com assinaturas.

No sorteio, o primeiro nome a sair da urna foi o do eurodeputado do PCP João Ferreira, sendo-lhe depois atribuído o número sete. O mesmo procedimento foi adotado para os outros candidatos, ficando estabelecido o ordenamento final.

Há cinco anos, registou-se um recorde absoluto de candidaturas presidenciais, com um total de 10 concorrentes a figurarem nos boletins de voto.

Ordem das candidaturas presidenciais:

1. Eduardo Batista

2. Marisa Matias

3. Marcelo Rebelo de Sousa

4. Tiago Mayan

5. André Ventura

6. “Tino de Rans”

7. João Ferreira

8. Ana Gomes

/ RL