“Respeitamos as disposições da Constituição, que estão em pleno desenvolvimento, e estamos à espera para ver o desfecho deste processo de formação do novo Governo e reiteramos a nossa vontade de trabalhar de forma próxima com o novo Governo”