«É preciso trazer a esta convergência de democratas, patriotas, forças políticas e sociais mais forças, nova gente. Acreditamos que é possível encontrar esse rumo para o país. Não digam que não há alternativa. O nosso país, o nosso povo, tem sempre alternativa», defendeu Jerónimo de Sousa.








Redação / CF