O PS vai abster-se na votação das moções de censura que PCP e Bloco de Esquerda levam à Assembleia da República na quinta-feira.

À saída da reunião da Comissão Política, António José Seguro justificou a decisão.

O secretário-geral dos socialistas garante que o PS é um referencial de responsabilidade e de estabilidade.
Redação